Uma História, uma só paixão

10 de agosto de 2011

Copa Sul-Americana

Hoje começa mais uma participação (sexta) do Galo na prima pobre das competições continentais. Prima pobre mas não menos importante, pelo menos para quem tem o sonho de voltar à Libertadores depois de muito tempo. Para times que estão rateando no Brasileirão, é o caminho mais curto no segundo semestre.

E a estréia, mais uma vez, é contra o Botafogo. Tem atleticano que já sente frio na espinha só de ouvir falar. E não é por menos. Nos últimos 19 jogos, o time da estrela solitária levou a melhor em 12, sendo que desde 2008 que não os vencemos.

O jogo de hoje também marca a estréia do Cuca à frente do nosso time. Confesso que ainda me estranha um pouco e que tenho pé atrás com ele, mesmo sabendo dos bons trabalhos que fez, no time das Smurffets e principalmente, no Fluminense, quando deu uma arrancada na segunda metade do campeonato de 2009, livrando o time do rebaixamento. Pode ser que dê liga esta combinação, já que notadamente é um treinador que sabe recuperar o grupo.

Nosso novo treinador apenas voltou o esquema de jogo para o 4-4-2, além de retomar com o Réver para a zaga ao lado de Léo Silva e Guilherme Santos para a lateral. Segundo Cuca, o que o time apresentar de bom hoje é mérito do Dorival e que este deixou a casa arrumada para ele. Bom, se esse time que entrar em campo hoje, jogar um bom futebol, vamos ter certeza que o mau futebol era em grande parte má vontade com Dorival Júnior mesmo.

O time vai à campo com o que tem de melhor, sem essa de priorizar o brasileiro. Se os outros times não pensam assim, azar o deles! O Bota vem sem 3 titulares poupados e mais dois que estão no DM e nem foram inscritos. Entretanto, tem que ficar de olho demais no Loco Abreu, que depois da Copa América, já demonstrou que está em alta, tendo se apresentado muito bem nas ultimas rodadas do brasileirão.

Então, que este jogo cheio de estreias seja o início de uma nova era para o nosso time neste ano. E já que não temos tantas pretensões assim no Campeonato Nacional, que os jogadores corram e se comprometam na busca por esse caneco!

E se serve de inspiração para sair desse tabu contra o Bota, nada mais nada menos que o gol da final de 71!


#VaiPraCimaDelesGalo #ReageGalo



Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Tarcísio Duarte

Tarcísio Duarte

0 comentário(s):

Postar um comentário

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com