Uma História, uma só paixão

25 de março de 2013

Colado no líder, Galo vence nacional

Foto: GoogleImagens

Na base do sofrimento, os três pontos vieram. O Atlético bate o Nacional por 3 a 1, em Patos de Minas e mantém a distância de um ponto para o rival líder do campeonato Mineiro. Com um homem a mais, desde os primeiros 11 minutos do primeiro tempo, quando Kanu foi expulso ao cometer uma falta no garoto Bernard, o Galo parava na forte marcação dos defensores do Búfalo e nos bons auxílios do goleiro Rodrigo Posso. Guilherme, Bernard e Alecsandro foram os autores dos gols atleticano e Caleb marcou pelo Nacional pela sétima rodada.
O time da capital foi a Patos de Minas sem quatro titulares, que entraram no esquema de rodízio do técnico Cuca devido a disputa da Taça Libertadores. Marcos Rocha e Junior César laterais, Ronaldinho meia e Jô atacante deram lugar a Carlos César, Richarlyson, Luan e Alecsandro.
A primeira jogada de perigo foi criado pelo Atlético aos 13 minutos. Carlos César cruzou, a defesa do Nacional afastou parcialmente a bola na entrada da área. A bola sobrou para Luan que serviu Tardelli, que, sem pestanejar, bateu colocado para o gol. Posso se esticou todo, mas não conseguiu encontrar a bola. Por sorte, ela toca no travessão e sai em linha de fundo.
Richarlyson foi acionado pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro para a grande área. Ao tentar cortar a bola, Luizão acabou desviando em direção ao gol, mas Rodrigo Posso estava atento e conseguiu segurar firme no canto esquerdo.
Desde os 11 minutos, com um jogador a mais, o Atlético demorou a criar outra chance de perigo no primeiro tempo. Ela só veio aos 34’, com boa triangulação entre Luan, Alecsandro e Leandro Donizete. O lance terminou em finalização do camisa 8 da entrada da área e Rodrigo Posso voltou a fazer boa intervenção ao espalmar  a bola para o lado.
Nos instantes finais da primeira etapa, o Galo voltou a criar boa chance de abrir o placar em Patos. O zagueiro Réver, aos 46', recebeu a bola de costas e fez trabalho de pivô para Alecsandro. Na finalização, o atacante bateu no canto esquerdo e viu Rodrigo Posso bem posicionado para mandar a bola à linha de fundo.
Cuca resolveu mudar e colocou Guilherme no lugar de Luan, que pouco apareceu no primeiro tempo. Já Alexandre Grasseli preferiu apostar na velocidade no contra-ataque e colocou Marcinho na vaga de Vanderlei.
E a mudança surtiu efeito logo aos dois minutos do segundo tempo, quando Guilherme aproveitou rebote de Rodrigo Posso e abriu o placar em Patos de Minas. Delírio nas arquibancadas do Bernardo Rubinger, tomada praticamente apenas por atleticanos.
Mas o gol alvinegro mexeu com os brios dos donos da casa. Dez minutos depois, o Nacional-MG adotou uma postura mais ofensiva. Caleb recebeu livre depois de jogada de Marcinho, que roubou a bola no meio-campo, chutou para defesa parcial de Victor, e tocou para o meia do Nacional empatar .
Com o empate, Cuca mandou o time para frente e tirou o volante Leandro Donizete, promovendo a estreia do meia Morais com a camisa do Galo. Assim como o goleiro do Nacional-MG, Morais também chegou a anunciar aposentadoria na temporada passada e acabou voltando atrás.
A noite marcou também a estreia do lateral-direito Michel. Contratado pelo Galo em agosto, ele entrou na vaga de Carlos Cesar. O time da capital passou a pressionar e a jogar contra o tempo. E aos 34 minutos, Bernard colocou o Atlético-MG novamente na frente. Guilherme deu belo passe para Alecsandro, que chutou prensado na zaga. A bola sobrou para o jovem atacante tocar na saída de Rodrigo Posso.
Ao final, quando tudo parecia que o jogo terminaria com 2 a 1 no placar atleticano, Morais deu um belo passe para Bernard que, com categoria, rolou a bola na medida para Alecsandro ampliar e fechar o marcador.
Na próxima rodada, o Galo recebe o Tupi, de Juiz de Fora, no estádio Independência, em Belo Horizonte, no domingo, às 16h. Já o Búfalo vai à Nova Serrana, onde encara o Guarani, de Divinópolis, no mesmo dia e no mesmo horário.

Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Ana Paula Xavier

Ana Paula Xavier

Escritora do Galo Forever. Fanática pelo CAM. Adoro minha família e amigos. Personalidade forte.

0 comentário(s):

Postar um comentário

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com