Uma História, uma só paixão

26 de maio de 2014

Atlético empata com Criciúma na volta ao Ipatingão

Foto: Google Imagens

O Atlético tinha como objetivo vencer o seu quarto jogo seguido no Campeonato Brasileiro para entrar no G-4. Mas o ataque alvinegro não regulou contra o Criciúma. Os dois times ficaram no 0 a 0 no Ipatingão, neste domingo. Os mineiros caíram duas posições e estão em nono, com 11 pontos. Voltam a jogar na quarta-feira, novamente em Ipatinga, contra o Fluminense.
Por causa da Copa do Mundo, o Independência, estádio onde o Galo manda os jogos, foi entregue à Fifa. E a empolgação da torcida do Galo na região do Vale do Aço - a 217 km de Belo Horizonte - ajudou a manter o clima de caldeirão que o time é acostumado a ter no Horto. Foram 15.668 pagantes - todos os ingressos colocados à venda se esgotaram - com renda de R$ 295.430.
O primeiro tempo ruim em campo contrastou com a festa da torcida, que comemorou a volta do Galo à cidade. Os dois times fizeram uma primeira etapa com vários erros de passes e pouquíssima inspiração. Apenas o goleiro do Galo, Giovanni, fez uma defesa difícil em chute cruzado de Wellington Bruno. O do Criciúma, Luiz, apareceu somente nos cruzamentos na área, sem perigo.
Réver, que tem sofrido nesta temporada com problemas físicos, foi substituído com o tornozelo inchado. Ele se machucou quando tentou interceptar um chute adversário.
E o jogo ganhou emoção na etapa final. Mas o gol, mesmo assim, não saiu.
Marion perdeu uma chance inacreditável. Após bom cruzamento de Tardelli, André cabeceou no ângulo e Luiz conseguiu fazer bela defesa. No rebote, Dátolo cruzou e Marion, livre, com o gol aberto, perdeu a chance.
Do lado catarinense, as cobranças de falta de João Vitor mereceram atenção. Uma bateu na trave de Giovanni. Nas bolas paradas, Dátolo também chegou perto de marcar. Mas o goleiro Luiz se mostrou atento.



Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Ana Paula Xavier

Ana Paula Xavier

Escritora do Galo Forever. Fanática pelo CAM. Adoro minha família e amigos. Personalidade forte.

Um comentário:

  1. Empate em pontos corridos, não há quem sofra mais do que o “pobre” torcedor, uma vez que o empate nos impede de esbravejar ou comemorar. Não faça isso conosco não, galo! http://www.euvistoacamisadogalo.com.br/

    ResponderExcluir

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com