Uma História, uma só paixão

29 de maio de 2014

Galo faz dever de casa, bate o Fluminense e cola nos líderes

Foto: GoogleImagens

Missão dada, missão cumprida em Ipatinga. O Atlético venceu o Fluminense por 2 a 0 na noite desta quarta feira e se aproximou dos lideres. Com gols de Dátolo e Tardelli, o time alvinegro completou cinco jogos sem derrota, chegando a sexta colocação, com 14 pontos, a um do G4, zona de classificação à Copa Libertadores, e a dois da liderança do campeonato. Na próxima rodada, a última antes da parada da competição para a Copa do Mundo, o Galo encara o São Paulo no Morumbi, neste sábado às 18h30.
O primeiro tempo foi bastante interessante. Com equipes leves, Atlético e Fluminense travaram um duelo de muita velocidade. Nos dez minutos iniciais, o time da casa deu impressão de que encurralaria o adversário, dominando-o territorialmente. Mas essa supremacia logo mudou de lado. O Tricolor passou a ter mais posse de bola, estatística que manteve até o fim da etapa. Além disso, foi quem criou as melhores chances. Rafael Sobis chegou perto com uma cabeçada à queima-roupa. Diego Tardelli, principal figura dos mineiros, voltava para buscar a bola na defesa e capitaneava o time. Conca, por sua vez, até conseguiu vencer a marcação implacável de Pierre em alguns lances, contudo não criou nada de especial.
O segundo tempo começou com o Galo balançando as redes. Aos sete minutos, Pierre lançou Emerson Conceição, que cruzou de primeira. Depois do corte de Felipe, Dátolo dominou e fez 1 a 0.
O jogo ganhou em emoção. O Fluminense foi a busca do empate e parou nas grandes defesas de Giovanni. Aos nove minutos, ele salvou o Atlético na finalização à queima-roupa de Walter. Aos 15, o goleiro evitou o gol de Sóbis.
No contra-ataque, o Galo levou perigo. Aos 17 minutos, Tardelli lançou Marion, que cruzou para Dátolo chutar rente à trave. O segundo gol saiu aos 19. O meia argentino fez bela jogada e cruzou para Tardelli encerrar o jejum e ampliar: 2 a 0.
Inacreditável foi a postura de Michael. O atacante substituiu Sobis aos 33 minutos e, um minuto e 23 segundos depois, foi expulso por dar um pisão em Alex Silva. Mesmo com um a menos, o Flu ainda carimbou o travessão atleticano, em cobrança de falta de Conca, mas a noite não era mesmo tricolor. O Galo levou para casa os três pontos.

Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Ana Paula Xavier

Ana Paula Xavier

Escritora do Galo Forever. Fanática pelo CAM. Adoro minha família e amigos. Personalidade forte.

0 comentário(s):

Postar um comentário

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com