Uma História, uma só paixão

7 de abril de 2015

Decidindo Nosso Futuro




Estamos prestes a mais duas decisões e, poderíamos estar bem melhores do que hoje, claro que poderíamos, mas como todo caminho para um Atleticano tem que ser na dificuldade, vencido e renascido da raça, vontade e lealdade, não vai ser diferente desta vez, vamos outra vez na "ponta dos cascos" para mais dois jogos contra o nosso eterno fregues - Que diga-se de passagem não é uma decisão, por já "sabermos" o resultado - e mais uma decisão na libertadores. O jogo de quinta inspira cuidados, por ser um jogo "traiçoeiro", o que vimos no primeiro jogo entre as equipes não refletiu bem o que são, tanto o Galo quanto o Santa fé foram bastante abaixo do que podem ser ao seu natural.

Estamos tendo uma semana "tranquila" até então, pois sabendo que Guilherme e Dátolo voltam deixam um alento ao time que está sem criatividade no meio campo. Enquanto Cárdenas ainda demonstra uma certa falta de ritmo de jogo e incapacidade em ganhar as dividas, tem rodado muito e girado muito a bola pelo meio campo, mas sabemos que ainda é pouco para o postulante a dono do meio campo alvinegro. Outra ótima notícia foi o reforço ainda para as semi-finais do Mineiro Thiago Ribeiro, com um estilo de jogo veloz e de habilidade, vai poder somar muito nesta fase final de Mineiro e, se a vaga no grupo 1 concretizar, nas Oitavas da Liberta.

O Galo se fez renascer das cinzas, como sempre faz nos momentos em que nada pode ir a favor dele, ele vai lá e vira o jogo, ele corre, e voa sobre seu adversário seja lá quem for, não sabe limitar ao seus poderes simplesmente, seus jogadores com aquela camisa envergando aquele escudo, se transformam, saem de sí e além de meros jogadores, que fazem sua profissão viram autênticos torcedores, que lutam e se doam por qualquer bola durando o jogo. Justamente por isso creio muito no nosso Galo nesta quinta- feira, com o caldeirão lotado de corações alvinegros pulsantes e rasgando a garganta a cada grito de "GALO", cada palavra de apoio, cada grito de "Eu Acredito", o Galo irá forte e muito aguerrido, tenho certeza disso.

Já o Santa Fé é um time esperto, em 2014 vimos do que eles podem ser capazes, aqui mesmo no Independência, local do próximo jogo entre as equipes, eles se mostraram bem à "vontade" no nosso caldeirão, com toques de bola precisos chegaram e abriram o placar, sofremos para empatar, e viramos apenas por ter um mito em campo - Neto Berola - que de voleio decretou a vitória aos 41 do segundo tempo, mas vejo o Galo em plenas condições para ganhar este jogo e dar uma sobrevida a mais nessa libertadores.

E por fim, domingo terá mais um clássico, antes do previsto, é verdade, mas nada de incomum tendo vista as campanhas que ambos vem fazendo tanto na libertadores quanto no próprio campeonato mineiro, que com orçamentos amplamente superiores é praticamente inadmissível uma derrota para times do interior. Sim, orçamento não entra em campo, mas jogadores do renome que as duas equipes tem, não poderiam se classificar desta forma e ainda por cima deixando o mata-mata de certa forma injusto, por um dos melhores não estar na final, aliás, o time do outro lado da lagoa não está na final, por que tão certo como a morte é uma vitória em um clássico contra eles, espero voltar a escrever nesta mesma página comemorando duas vitórias do nosso Galo, e que assim seja.





Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Gustavo Chaves

Gustavo Chaves

0 comentário(s):

Postar um comentário

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com