Uma História, uma só paixão

1 de outubro de 2016

Atlético vence Ponte Preta em Campinas e segue caça ao Palmeiras

Foto: Google Imagens

O Atlético segue firme na luta pelo título do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, a equipe superou a Ponte Preta, fora de casa, por 2 a 1, pela 28ª rodada da competição. Os gols dos mineiros foram de Júnior Urso e Clayton, enquanto Roger diminuiu para os paulistas.
Com o triunfo, o Galo chegou aos 52 pontos, ficando a dois de Palmeiras e Flamengo. Os paulistas têm um jogo a menos. A Ponte estagnou nos 39, se afastando da briga pelos primeiros lugares na tabela.
O técnico Marcelo Oliveira optou por deixar Fred e Robinho no banco, apostando em Clayton e Pratto. A escolha deu certo, e o primeiro balançou as redes, ajudando o Galo a conquistar importante vitória.
Na próxima rodada, a Ponte Preta busca recuperação diante do Cruzeiro, em Belo Horizonte. O Atlético, por sua vez, encara mais um paulista, desta vez o Corinthians, na próxima quarta-feira, em Itaquera.
A partida começou equilibrada, com os dois times buscando ter a bola para atacar o rival. Ainda assim, as defesas se portaram bem, sem cederem grandes chances para o adversários.
Aos 15, na primeira oportunidade, o Galo abriu o placar. Após bela triangulação, Fábio Santos invadiu a área e cruzou para Júnior Urso. No ar, o volante acertou voleio e superou Aranha: 1 a 0 para os visitantes.
Tentando responder, a Ponte finalizou aos 21, com Ravanelli. O chute saiu travado, facilitando a defesa de Victor. Três minutos depois, Wendel subiu e cabeceou, mas a bola saiu por pouco.
O Galo, aos poucos, equilibrou a partida e, aos 37, Leandro Donizete achou Clayton livre, cara a cara com Aranha. O camisa 23 não desperdiçou e ampliou a vantagem mineira: 2 a 0.

Foto: Google Imagens

Aos 40, Cazares ainda teve a chance de fazer o terceiro dos visitantes, na primeira etapa. O equatoriano saiu cara a cara com Aranha, driblou o goleiro e bateu para fora, mesmo com o gol vazio. Sem mais oportunidades, a partida chegou ao intervalo com os mineiros em vantagem.
Logo aos 2 do segundo tempo, a Macaca mostrou que tentaria buscar o resultado. Wendel acertou bicicleta, mas parou em Victor, que segurou firme. No minuto seguinte, foi a vez de Thiago Galhardo exigir defesa do arqueiro atleticano.
Aos poucos, o time de Marcelo Oliveira conseguiu segurar o ímpeto dos donos da casa, voltando a ter controle do jogo. Sem grandes emoções, a partida foi rolando e o Galo ganhando tempo, sem ser ameaçado pelos rivais.
Aos 22, Zé Roberto tentou reanimar a Ponte, em finalização que passou perto da trave de Victor. Mesmo assim, as chances não se sucederam, e os visitantes voltaram a diminuir o ritmo da Ponte.
Porém, aos 34, a Ponte chegou ao gol. Roger recebeu cruzamento, dominou e tirou de Victor, com tranquilidade: 2 a 1, trazendo os campineiros de volta ao jogo nos minutos finais.
Precisando de mais um gol para empatar, os donos da casa chegaram a pedir pênalti em escanteio cobrado na área, aos 38. Em contra-ataque, aos 42, Maicosuel perdeu a chance de matar a partida. Mesmo assim, os campineiros não conseguiram criar chances, e o jogo terminou 2 a 1 para a equipe mineira.



Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Ana Paula Xavier

Ana Paula Xavier

Escritora do Galo Forever. Fanática pelo CAM. Adoro minha família e amigos. Personalidade forte.

0 comentário(s):

Postar um comentário

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com