Uma História, uma só paixão

20 de agosto de 2019

Pela Sul-Americana, Atlético enfrenta o La Equidad, tentando abrir vantagem

GOOGLE IMAGENS

Chegou a hora do mata-mata. Depois de semanas com concentração total no Campeonato Brasileiro, o Atlético terá pela frente o duelo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana, principal foco do segundo semestre. Nesta terça-feira, a partir das 21h30, o time alvinegro encara o La Equidad-COL, num Independência que promete estar lotado.
A expectativa é por um clima de decisão no Horto nesta terça-feira. Entre jogadores e integrantes da comissão técnica do Atlético, a Sul-Americana é vista como a principal chance de título da temporada. Afinal, são cinco jogos até a taça inédita.
Patric volta ao time titular do Atlético após cumprir suspensão na derrota por 1 a 0 para o Athletico-PR, no último sábado, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Outros dois retornos foram confirmados pelo técnico Rodrigo Santana: do volante Jair e do centroavante Ricardo Oliveira, poupados do duelo na Arena da Baixada.
A principal ausência é a do goleiro Victor, em processo final de recuperação de uma tendinite no joelho esquerdo. Dessa forma, o jovem Cleiton, ganhará uma nova oportunidade na equipe titular. O restante do time será o mesmo que encarou o Athletico-PR.
O jogo de volta entre Atlético e La Equidad-COL será na próxima terça-feira, dia 27, também às 21h30, no estádio El Campín, em Bogotá, a capital colombiana. O vencedor do confronto enfrentará o Colón-ARG, que eliminou o Zulia-VEN, na semifinal.
O La Equidad-COL não vive bom momento. No sábado, o time dirigido por Humberto Sierra foi derrotado por 3 a 2 pelo Millonarios. Com o resultado, o time caiu para a penúltima posição do Campeonato Colombiano. No torneio local, o adversário do Atlético tem uma vitória, um empate e quatro derrotas.
Portanto, a Copa Sul-Americana é a principal chance de título em 2019. No caminho até as quartas de final, o La Equidad-COL eliminou Independiente de Campo Grande-PAR, Deportivo Santaní-PAR e Royal Pari-BOL. A tendência é a manutenção de boa parte da equipe que avançou no torneio.
Humberto Sierra relacionou 18 jogadores para o jogo contra o Atlético. A principal ausência é a do atacante panamenho Jesús Chuito González, vetado da partida em função de uma pancada na cabeça.

Provável Escalação

Atlético
Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Jair e Elias; Chará, Vinícius e Cazares; Ricardo Oliveira Técnico: Rodrigo Santana

La Equidad-COL
Diego Novoa; Walmer Pacheco, Danilo Arboleda, Jeider Riquett e Amaury Torralvo; Juan Mahecha, Stalin Motta, Armando Vargas e Matías Mier; Ethan González (Pablo Lima) e Carlos Peralta Técnico: Humberto Sierra

Árbitro: Mário Díaz de Vivar (PAR)

Assistentes: Milciades Saldívar (PAR) e Roberto Cañete (PAR)

VAR: Daniel Fedorczuk (URU)

Compartilhe com seus amigos:
Sobre o Autor:
Ana Paula Xavier

Ana Paula Xavier

Escritora do Galo Forever. Fanática pelo CAM. Adoro minha família e amigos. Personalidade forte.

Um comentário:

  1. Este jogo só depende do Galo para uma boa atuação , esperando também que o Cleiton saiba aproveitar esta nova oportunidade e fechar o Gol!!!! Parabéns ótima matéria para deixar o torcedor mais informado !!!!

    ResponderExcluir

Redes Sociais

Total de visualizações de página

Arquivo do blog

Receba novidades por e-mail

Copyright © Galo Forever Published By Gooyaabi Templates | Powered By Blogger

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com